Plano de saúde deve custear Botox a paciente com bromidrose

Plano de saúde deve custear Botox a paciente com bromidrose

Plano de saúde deve custear Botox a paciente com bromidrose

 

Pacientes com bromidose (suor excessivo nas axilas com odor desagradável) e que tenham indicação médica para tratamento com BOTOX (toxina butolínica) devem ter o tratamento coberto pelo plano de saúde na forma como prescrito pelo médico de sua confiança, seja este profissional credenciado ou não do plano de saúde.

 

Em processos desta natureza este escritório de advocacia tem ingressado com ação judicial com pedido de liminar contra o plano de saúde de forma a garantir o tratamento pelo plano de saúde, mesmo com o tratamento fora do rol da ANS.

 

Os planos de saúde alegam que pacientes com bromidose não tem direito ao tratamento com Botox que estaria restrito a apenas a tratar outras doenças, mas como lembra o advogado especialista em plano de saúde Elton Fernandes, sempre que houver indicação clínica pelo médico, o plano poderá ser condenado na Justiça a fornecer o tratamento, como já tem ocorrido.

 

Acompanhe decisão judicial obtida por este escritório de advocacia:

Continuar Lendo

Plano de saúde - Paciente com bromidose e indicado para o tratamento com Botox - Plano de saúde que recusa o fornecimento do tratamento sob a alegação de que o paciente não preenche os critérios da ANS para receber a toxina - Irrelevância - Prescrição do médico que se sobrepõe ao rol e as Diretrizes da ANS devendo o plano de saúde providenciar o tratamento - Agravo provido.

 

As ações judiciais elaboradas para obter o tratamento com Botox podem ser elaboradas com pedido de liminar de modo a permitir o início do tratamento em poucos dias, custeado integralmente pelo plano de saúde.

 

Não importa o tipo de doença que o paciente possui, posto que todas as doenças listadas no Código CID devem ser custeadas pelo plano de saúde, incluindo os tratamentos prescritos pelo médico. A recusa pode ensejar inclusive danos morais em casos mais graves.

 

O paciente que tiver a negativa do plano de saúde pode procurar este escritório de advocacia de forma a permitir o imediato ingresso da ação. Fale com nossos profissionais no telefone 11 - 3141-0440 ou pelo aplicativo whatsapp 11 - 97751-4087.

São mais de 4.000 ações judiciais
elaboradas ao longo dos anos.
Fale com a gente