O que é CPT em plano de saúde? Advogado especialista em convênio médico explica

O que é CPT em plano de saúde? Advogado especialista em convênio médico explica

cpt plano de saude advogado convenio medico

 

O que é CPT em plano de saúde

 

Chegou a carteira do seu plano de saúde e, de repente, você se depara com uma surpresa, foi anotada uma CPT no documento com uma data.

 

Mas o que é CPT? Bem, significa Cobertura Parcial Temporária (CPT) e é uma carência de utilização do seu plano de saúde que foi anotada, impedindo você de utilizar livremente o plano para a doença declarada.

 

Ou seja, significa que até o dia anotado na sua carteirinha do plano de saúde você não poderá utilizar para exames de alta complexidade, cirurgia ou internação em relação à doença que você declarou como preexistente, embora possa livremente utilizar para outras doenças e problemas que venha a ocorrer.

 

Segundo o advogado especialista em plano de saúde, Elton Fernandes, nenhum plano de saúde pode deixar de comercializar uma apólice em razão da pessoa possuir uma doença preexistente, mas poderá, por outro lado, exigir que a pessoa cumpra uma carência de até 24 meses para aquela doença específica que a pessoa sabe ter.

 

Mas o que é uma doença preexistente? Por doença preexistente entende-se aquelas doenças ou lesões que a pessoa saiba ser portadora quando do ingresso no plano de saúde.

 

Ou seja, se no momento da contratação do plano de saúde você sabia de uma determinada doença ou problema clínico e declarou isto, então, trata-se de uma doença preexistente (clique aqui se quiser ler mais sobre doença preexistente)

 

Note que não basta que a doença exista, mas é preciso que o consumidor tenha ciência inequívoca da doença.

 

Estas doenças estarão contempladas na CPT – Cobertura Parcial Temporária – o que significa dizer que o consumidor poderá usar o plano para todo o mais, menos para tratar esta doença especificamente no prazo de 24 meses.

 

O preenchimento equivocado da Declaração de Saúde ao plano de saúde pode implicar em problemas e, portanto, é importante que o consumidor conte sempre com a ajuda de um advogado especialista em plano de saúde caso tenha qualquer dúvida.

 

A Cobertura Parcial Temporária poderá ser reduzida caso haja situação de urgência ou emergência e, inclusive, se o caso, o paciente poderá pleitear na Justiça a nulidade de tal restrição.

 

Cuidado com o que o corretor de plano de saúde pede que você assine, preencha ou deixe em branco e, em havendo dúvidas, consulte sempre um advogado especialista em plano de saúde.

Fale com a gente