Hemodiafiltração online: plano de saúde deve cobrir tratamento? Veja!

Hemodiafiltração online: plano de saúde deve cobrir tratamento? Veja!

Sim, o plano de saúde deve cobrir hemodiafiltração online (HDF-ON), procedimento que foi incorporado recentemente pela ANS. 

 

RESUMO DA NOTÍCIA:

  1. Qual a posição da ANS sobre a cobertura da hemodiafiltração online?
  2. Meu plano de saúde negou a cobertura do tratamento. E agora?
  3. Quais documentos devo apresentar? A decisão judicial é demorada?
  4. Devo pagar pelo tratamento?

 

Continue a leitura e entenda mais detalhes sobre o assunto!

Continuar Lendo

 

Qual a posição da ANS sobre a cobertura da hemodiafiltração online?

A cobertura obrigatória do tratamento por hemodiafiltração online pelo plano de saúde foi incorporada ao Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), atualizado no ano de 2021.

 

A  HDF-ON combina a hemodiálise tradicional com a hemodifiltração. Além da ultrafiltração e difusão, a HDF-ON utiliza o transporte convectivo, que tem preferência na eliminação de médias e grandes moléculas.

 

O tratamento de hemodiafiltração online (HDF-ON) promove uma retirada em maior quantidade das toxinas do organismo. O filtro do equipamento exerce uma maior pressão na hora de retirar as substâncias tóxicas e o excesso de água do sangue.

 

Meu plano de saúde negou a cobertura do tratamento. E agora?

Um plano de saúde não pode negar a cobertura de tratamentos mais modernos, que possuem eficácia e segurança comprovadas, estejam eles ou não no Rol da ANS e mesmo que a indicação não preencha às Diretrizes de Utilização Técnica da ANS ou seja de alto custo, por exemplo.

 

“O Rol de Procedimentos da ANS é apenas o mínimo que um plano de saúde pode custear. O Rol de Procedimentos da ANS e suas Diretrizes de Utilização não podem, não devem e não serão transformados jamais em tudo aquilo que as operadoras de saúde devem custear aos usuários”, explica o advogado Elton Fernandes, especialista em Direito da Saúde.

 

A Justiça tem confirmado que o Rol da ANS e suas DUT devem ser entendidos como o MÍNIMO do que possui cobertura obrigatória.

 

Caso o seu plano de saúde tenha negado a cobertura do seu tratamento de maneira ilegal e abusiva, além de fazer uma reclamação na ANS você pode consultar um advogado especialista em plano de saúde e lutar pelo seu direito!

 

Quais documentos devo apresentar? A decisão judicial é demorada?

Ao receber uma recusa do plano de saúde, peça que forneçam a você a negativa de cobertura justificada por escrito, indicando por qual razão o plano se nega a pagar o tratamento. Além disso, tenha em mãos um relatório médico detalhado.

 

“É muito importante que o médico de sua confiança faça um bom relatório apontando a razão pela qual esse tratamento deve ser feito dessa forma (...). Ele deve descrever, por exemplo, que esse procedimento traz menos riscos, que é mais eficiente, provoca menos danos, entre outras informações”, orienta o advogado Elton Fernandes, especialista em Direito à Saúde.

 

A hemodiafiltração online é indicada para o tratamento de pacientes no estágio final da doença renal crônica, que causa lesões nos rins e a perda progressiva das funções renais. Por essa razão, muitos deles têm urgência em realizar o tratamento.

 

Em casos de urgência, o juiz pode conceder uma liminar determinando que o plano de saúde, mesmo antes do final do processo, seja obrigado a pagar o tratamento. 

 

Devo pagar pelo tratamento?

Não. Definitivamente você não precisa pagar pelo tratamento caso a cobertura seja negada. Como se vê, a Justiça pode confirmar rapidamente que o plano de saúde deve cobrir hemodiafiltração online (HDF-ON).

 

Mas, caso você tenha pagado por conta própria pela realização do procedimento, saiba que também é possível exigir judicialmente que o plano de saúde seja obrigado a ressarcir os valores gastos. Tenha em mãos recibos e comprovantes de pagamentos.

 

Ainda tem dúvidas sobre a cobertura desse ou de outros tratamentos? Consulte um advogado especialista em planos de saúde e saiba mais sobre os seus direitos como paciente e consumidor!

Fale agora com um advogado

O Elton Fernandes – Advocacia Especializada em Saúde atende ações que envolvem erro médico ou odontológico, reajuste abusivo no plano de saúde, cobertura de medicamentos e exames, entre outras.

 

Não importa se seu plano de saúde é Bradesco, Sul América, Unimed, Unimed Fesp, Unimed Seguros, Central Nacional, Cassi, Cabesp, Notredame, Intermédica, Allianz, Porto Seguro, Amil, Marítima Sompo, São Cristóvão, Prevent Senior, Hap Vida ou qualquer outro plano de saúde, pois todos têm obrigação de custear o tratamento.

 

Para falar com um dos nossos especialistas, você pode enviar um e-mail para [email protected]. Caso prefira, ligue para (11) 3141-0440 envie uma mensagem de Whatsapp para (11) 97751-4087 ou então mande sua mensagem abaixo.

 

Siga nossas redes sociais e saiba mais sobre Direito da Saúde:

Lonsurf coberto pela Bradesco Saúde? Veja agora!   Facebook     Lonsurf coberto pela Bradesco Saúde? Veja agora! Instagram    Lonsurf coberto pela Bradesco Saúde? Veja agora! Youtube

Acompanhe o Dr. Elton Fernandes, especialista em ações contra planos de saúde, na imprensa:

 Clique e acompanhe Elton Fernandes no programa Mulheres            Clique e acompanhe Elton Fernandes no programa Santa Receita        Clique e acompanhe Elton Fernandes na Rádio Justiça

Fale com a gente